SICOOB CREDICOM incentiva o empreendedorismo em Belo Horizonte

SICOOB CREDICOM incentiva o empreendedorismo em Belo Horizonte

Em parceria com a SICOOB CREDICOM, a JA Minas Gerais levou o empreendedorismo para 99 alunos em Belo Horizonte. Nos meses de abril, maio e junho, os programas Introdução ao Mundo dos Negócios, Economia Pessoal e o Mulheres Empreendedoras foram aplicados na Escola Municipal Maria das Neves e na sede da empresa. Os programas foram aplicados com o auxilio de 14 voluntários da instituição.


Dados da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito mostram que 12 milhões de jovens brasileiros, de 25 a 29 anos, estão endividados. A importância da educação financeira começando na escola é muito importante. Com a ajuda da SICOOB, 45 alunos do ensino fundamental participaram dos programas Economia Pessoal e Introdução ao Mundo dos Negócios, que contribuem para alterar esse cenário.


O Economia Pessoal auxilia os alunos a entender seus interesses e suas habilidades pessoais, além disso, proporciona um conhecimento sobre orçamentos, gerenciamento financeiro pessoal e as vantagens e desvantagens do uso de crédito. Já o Introdução ao Mundo dos Negócios envolve os alunos em um debate sobre a organização e a operação de negócios em um mercado de livre iniciativa.


“Eu gostei muito porque nos ensina a ter mais consciência sobre negócios. Por exemplo, se eu quiser abrir uma loja de calçados terei algumas idéias muito boas que foram passadas. Pra mim foi muito útil e eu aprendi muito com os professores que deram a palestra, aproveitei e aprendi muito” relata a aluna, Raquel Silva.


Mas não só os alunos do fundamental foram contemplados, 54 mulheres tiveram a oportunidade de participar do programa Mulheres Empreendedoras. Não é segredo que as mulheres estão conquistando seus lugares de direito em diversos âmbitos na sociedade e, no empreendedorismo, não seria diferente. Atualmente, 51,5% do empresariado inicial brasileiro é composto por mulheres.


No programa, as mulheres aprendem sobre o processo de concepção e estruturação do próprio negócio, assim como o acesso ao suporte financeiro necessário. O objetivo é desenvolver o espírito empreendedor e orientar sobre o processo de tomada de decisões e riscos.

01.Aug


Deixe comentário